Abertura Coronária Enfraquece O Dente?

Abertura Coronária Enfraquece O Dente?

Será que a abertura coronária enfraquece o dente? Um dos principais erros de quem está começando a prática da endodontia é a não remoção total do teto da câmara pulpar. É muito comum, principalmente em dentes bi ou tri-radiculares, que os alunos de graduação tenham receio de perfurar ou desgastar a região de furca durante os procedimentos de abertura coronária, como visto na foto abaixo. Tem surgido também muitos profissionais sugerindo que a abertura coronária deve ser o mais conservadora possível, e alguns têm chamado Continue

Motor Para Endodontia: Como Escolher? Qual O Melhor?

Motor Para Endodontia: Como Escolher? Qual O Melhor?

Seleção Do Motor Para Endodontia Para selecionar o motor para endodontia, os seguintes fatores devem ser considerados: custo; assistência técnica; peso; ruído; tamanho da cabeça do contra-ângulo; controle de torque; portabilidade/praticidade (por exemplo, com muitos ou poucos cabos) associado à quantidade de locais que o profissional atende; versatilidade (instrumentação rotatória e reciprocante ou só rotatória?): quais limas são “aceitas” pelo motor – rotação contínua ou alternada à direita (sentido horário) e esquerda (sentido anti-horário) ou somente à direita (sentido horário)?; reverso automático ou manual; recursos Continue

Farmacologia Em Endodontia

Farmacologia Em Endodontia

Não pretendo esgotar o assunto, mas sim abrir um espaço democrático para o debate sobre a Farmacologia em Endodontia. Independentemente das suas escolhas, o propósito é comum a todos os cirurgiões-dentistas: a saúde e o bem-estar dos pacientes. Na Odontologia, realizamos procedimentos invasivos em uma das áreas mais inervadas do corpo humano. Todo cirurgião-dentista deve ter competências para prevenir e paralisar a dor inflamatória, infecções e o “estresse cirúrgico”. Veja abaixo os fármacos que são minha primeira opção. Assista o vídeo para mais detalhes e Continue

Barodontalgia

Barodontalgia

Para muitos, as férias chegaram. Você sabe o que as férias têm a ver com a dor de dente, mais especificamente a barodontalgia? Bom, se você ou algum paciente seu for viajar de avião e/ou praticar mergulho autônomo (SCUBA), leia este artigo até o final porque ele pode lhe ajudar a evitar alguns problemas. Imagina uma coluna de ar sobre você. Essa coluna de ar sobre você é a pressão atmosférica. Pressão atmosférica é a pressão exercida pela camada de moléculas de ar sobre a superfície. A pressão é a Continue

Finanças Para Dentistas – Parte III (Conceitos Básicos)

Finanças Para Dentistas – Parte III (Conceitos Básicos)

Por que falar sobre finanças para dentistas? Dois motivos: Já errei muito nesse assunto. Isso nenhum professor ensina ou comenta. Ninguém fala dos próprios erros. Até concordo que se aprende fazendo, acertando e, sobretudo, errando. Foi assim que eu aprendi. Na marra. Entretanto, é mais barato (e inteligente) aprender com os erros dos outros do que com os nossos próprios erros. Faz sentido para você? Por causa da história abaixo… Informar É Diferente De Formar Dois meses. Faltavam dois meses para um dos alunos mais Continue

Sistemas Adesivos: Evolução E Classificação

Sistemas Adesivos: Evolução E Classificação

Nas últimas 6 décadas aproximadamente, desde que Buonocore (1955) introduziu a técnica de condicionamento do esmalte com ácido fosfórico para melhorar a adesão, houve um progresso significativo nos sistemas adesivos para esmalte e dentina. Os primeiros adesivos uniam resinas ao esmalte somente. As gerações subsequentes melhoraram dramaticamente a força de adesão à dentina e o selamento das margens dentinárias enquanto mantêm uma forte adesão ao esmalte. Com mais pacientes exigindo restaurações estéticas livres de metal, o uso das resinas odontológicas como agentes cimentantes ou como Continue

Finanças Para Dentistas – Parte II (Conceitos Básicos)

Finanças Para Dentistas – Parte II (Conceitos Básicos)

Alguns conceitos implicam em mudanças na gestão das finanças para dentistas. Mudar não é fácil, e o sucesso exige coragem, visão e competência. Conta Pessoal x Conta Profissional Um primeiro passo importante na gestão financeira do consultório é a separação das contas bancárias. Um cirurgião-dentista, proprietário de consultório ou clínica odontológica, deve ter no mínimo duas contas distintas, que são:  conta profissional – receitas e despesas do consultório ou clínica; conta pessoal – pró-labore (salário) e despesas pessoais e/ou familiares. Obviamente, se o cirurgião-dentista optar Continue

Síndrome Do Dente Rachado

Síndrome Do Dente Rachado

Definição O termo “síndrome do dente rachado” foi citado a primeira vez por Cameron em 1964. A síndrome do dente rachado é uma fratura incompleta de um dente posterior vital, que ocasionalmente se estende à polpa. Veja, por exemplo, essas fotomicrografias do Dr. Domenico Ricucci onde se observa nitidamente o envolvimento pulpar do caso em questão. Classificação Existem diversas classificações para as rachaduras dentárias, mas uma bastante utilizada é a proposta por Williams (1993), onde: Classe I: fratura vertical incompleta de esmalte/dentina s/ envolvimento pulpar. Continue

Finanças Para Dentistas – Parte I (Introdução)

Finanças Para Dentistas – Parte I (Introdução)

O ano era 1999. Faltava exatamente 1 semana para a noite de natal. Como juramentista da turma, o texto já havia sido ensaiado inúmeras vezes na frente do espelho. Além de uma lesão labial de herpes simples, decorrente do nervosismo da semana anterior à cerimônia, nada mais era visível em meu semblante no momento do juramento que denotasse o quão ansioso eu estava. Entretanto, uma deficiência presente em todos os cursos de graduação, de qualquer faculdade do Brasil, assombrava minha cabeça… Devo buscar recursos (com Continue

Mineral Trioxide Aggregate (MTA)

Mineral Trioxide Aggregate (MTA)

Indicações do MTA O MTA surgiu no início dos anos 90, como um material experimental desenvolvido pelo Prof. Mahmoud Torabinejad. Ele foi elaborado na Universidade de Loma Linda – Califórnia, Estados Unidos, com o objetivo de selar as comunicações entre o interior e exterior do dente. De acordo com Lee et al. (1993), originariamente ele foi indicado após a realização de cirurgias parendodônticas, como material retrobturador, e em casos de perfurações intra-radiculares e da furca. Outras indicações: perfurações resultantes de reabsorções internas e externas comunicantes Continue

Espaço Biológico x Distância Biológica

Espaço Biológico x Distância Biológica

Espaço Biológico Espaço biológico é o espaço virtual existente na vertente interna do periodonto de proteção, compreendido entre o pico gengival e a crista óssea alveolar. É preenchido pelos tecidos moles que compõem as distâncias biológicas, pelo epitélio sulcular, pelo epitélio juncional e pela inserção conjuntiva. Tem um comprimento mínimo necessário no sentido axial de aproximadamente 3 milímetros que permite o arranjo biológico da área. A existência do espaço biológico é condição fundamental para a existência das distâncias biológicas (Lanza et al., 2003).     Continue

Planejamento Em Odontologia: Por Onde Começar O Tratamento?

Planejamento Em Odontologia: Por Onde Começar O Tratamento?

Quando um paciente nos procura para resolver algum problema pontual, geralmente não há dificuldade para elaborar o planejamento em odontologia. Entretanto, em alguns casos de pacientes com a saúde bucal severamente comprometida, podemos nos deparar com situações clínicas de grande complexidade, tanto no que tange ao plano de tratamento como na execução dos procedimentos. TOMADA DE DECISÃO BASEADA EM EVIDÊNCIAS É importante lembrar que, a ordem exata de cada procedimento pode ser alterada conforme a tomada de decisão clínica baseada nos seguintes componentes que influenciarão Continue