Como Funcionam Os Anestésicos Locais


O anestésico local é colocado em algum ponto entre o estímulo doloroso e o cérebro. O impulso nervoso segue até o ponto de aplicação do anestésico local e então “morre”, jamais alcançando o cérebro, e a dor não ocorre.

A sequência a seguir é um mecanismo proposto de ação dos anestésicos locais:
1. Deslocamento de íons cálcio do sítio receptor dos canais de sódio, o que permite…
2. A ligação da molécula de anestésico local a esse sítio receptor, o que então produz…
3. O bloqueio do canal de sódio,e uma…
4. Diminuição na condutância de sódio, que leva à…
5. Depressão da taxa de despolarização elétrica, e a…
6. Falha em obter o nível do potencial de limiar, juntamente com uma…
7. Falta de desenvolvimento dos potenciais de ação propagados, o que é chamado…
8. Bloqueio de condução.

Cabe destacar que as bases livres têm a propriedade de lipossolubilidade e conseguem atravessar membranas biológicas. Os anestésicos locais são bases e precisam de ambientes com pH alcalino ou neutro para serem eficazes.

RESPOSTA: LETRA B.


Se gostou, tem dúvidas, críticas ou sugestões, deixe o seu comentário abaixo! A sua opinião é muito importante para mim.

Não deixe de se cadastrar no blog e assinar o canal do YouTube. Em breve várias outras aulas e material para lhe ajudar na prática clínica e/ou na preparação para os melhores concursos de odontologia!

Sorria! Sucesso!

Forte abraço!

Welington

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *